Conheça mais sobre o auxílio emergencial de R$ 600 ("corona voucher") e descubra quais brasileiros têm direito a ele.

O Auxílio Emergencial (“Corona Voucher“) é uma ajuda financeira de 3 parcelas de R$ 600,00 para trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI), autônomos e desempregados, servindo como proteção contra a crise causada pela pandemia do novo coronavírus, o COVID-19.

Esse auxílio poderá ser prorrogado após a terceira parcela.

Quem tem direito ao benefício

Alguns requisitos precisam ser cumpridos para ter acesso ao benefício. Listamos abaixo quais são eles:

  • Ter 18 anos ou mais;
  • Não ter emprego formal;
  • Não receber benefício assistencial ou previdenciário;
  • Não receber seguro-desemprego;
  • Não receber programa de transferência de renda federal (exceto Bolsa Família);
  • Não ter recebido rendimentos tributáveis maiores de R$ 28.559,70 em 2018;
  • Ter renda familiar mensal de até R$ 522,50 por pessoa ou de até R$ 3.135,00 no total da família.

Também, é preciso cumprir alguma das seguintes condições:

  • Ser microempreendedor individual (MEI);
  • Ser contribuinte individual ou facultativo do Regime Geral de Previdencia Social;
  • Ser trabalhador informal inscrito no CadÚnico;
  • Se não for inscrito, poderá se cadastrar através do site do Auxílio Emergencial ou através do aplicativo para Android ou IOS.

Existem também algumas condições especiais:

  • A mulher chefe de família terá direito a duas cotas do benefício, totalizando R$ 1.200,00 (saiba mais sobre isso em outro post);
  • Apenas dois integrantes de uma mesma família poderão receber o benefício;
  • Duas pessoas de uma mesma família poderão acumular benefícios, um Auxílio Emergencial e um Bolsa Família.

Saiba no nosso próximo post onde e como solicitar o benefício.

Veja também as dúvidas mais frequentes sobre o Auxílio Emergencial nesse post.

Fonte: http://www.caixa.gov.br/auxilio/PAGINAS/DEFAULT2.ASPX

Faça seu cadastro e receba no seu email o aviso de novos conteúdos do blog


Categorias:

Visite nossas redes socias e conheça mais sobre a gente:

9 Comentários

  1. Boa noite, antes de mais nada parabéns por esse importante trabalho que está sendo feito por vocês. No meu caso, estou aprovado para receber o auxilo, tanto assim que foi criada a conta Caixa Tem em meu cpf, mas, acabei incluindo erradamente meu número de celular, como corrigir o número para que eu possa receber o SMS da Caixa?. Obrigado.

    • Olá, José Pedro! Obrigado, buscamos apoiar a população nesse momento complicado! Sobre sua dúvida, a Caixa divulgou na semana passada que os erros no cadastro poderão ser corrigidos após 5 dias úteis do envio do cadastro. Dessa forma, caso já tenha passado os 5 dias úteis do seu, sugerimos que busque alterar diretamente no aplicativo ou no site. Esperamos ter ajudado!

  2. […] O presidente, Jair Bolsonaro, anunciou na manhã desta quarta-feira (01/04) que sanciona hoje o Projeto de Lei que institui o auxílio emergencial de R$ 600. O auxílio será destinado a trabalhadores informais, desempregados e microempreendedores individuais (MEIs) que integrem famílias de baixa renda, além de trabalhadores intermitentes que estejam inativos no momento e, portanto, sem receber (saiba mais nesse post). […]

  3. […] O auxílio emergencial aprovado pelo Congresso Nacional e sancionado pela Presidência da República é um benefício de R$ 600 para garantir uma renda mínima aos brasileiros em situação mais vulnerável durante a pandemia da Covid-19 (novo coronavírus), já que muitas atividades econômicas foram gravemente afetadas pela crise. Veja mais nesse post […]

    • Comentar ok.. só quero receber meus direito de cidadão tem gente que não precisa está recebendo puliticos, Terroristas. e milicianos puxa vida isto não passa de injustiças com as pessoas dignas e honestas Gratidão.😷

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *